Secretaria de Saúde descarta caso de febre amarela em PE

No Brasil, foram confirmados 35 casos da febre amarela pelo Ministério da Saúde

por Ana Tereza Moraes ter, 23/01/2018 - 13:07
Reprodução/Pixabay A SES reforçou que Pernambuco não registra casos de febre amarela há 90 anos Reprodução/Pixabay

Na última semana, foi apontada a possibilidade de uma paciente pernambucana de 37 anos estar com febre amarela. A mulher havia viajado para o município de Mairiporã, em São Paulo, considerada área de risco para a doença, e teria apresentado quadro febril e sintomas brandos após retornar. A Secretaria Estadual de Saúde (SES/PE), no entanto, informou que os resultados dos exames realizados na paciente deram negativo, e o caso foi descartado.

No Brasil, foram confirmados 35 casos da febre amarela pelo Ministério da Saúde. Além disso, foram confirmadas 20 mortes no país por conta da doença, sendo que o maior número foi registrado no estado de São Paulo. A SES havia afirmado anteriormente que Pernambuco não é área de transmissão da doença, e reforçou que o Estado não registra casos há cerca de 90 anos.

O órgão informou ainda que “de acordo com os critérios da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde - reproduzidos em Pernambuco -, para se enquadrar como caso suspeito, o paciente, além da febre e ter residência ou passado por área de risco, precisa apresentar icterícia e/ou manifestação hemorrágicas e não ser vacinado ou ter vacina status vacinal ignorado”. Segundo a Secretaria, isso não ocorreu com a paciente de 37 anos. 

COMENTÁRIOS dos leitores