"Sou o que quiser", diz Linzmeyer sobre orientação sexual

Atriz disse que não se limita a ser ‘lésbica, sapatão’ e afirmou que é uma pessoa livre

qua, 10/10/2018 - 12:16
Reprodução/Instagram Bruna Linzmeyer A atriz sofreu ataques homofóbicos quando assumiu sua orientação sexual Reprodução/Instagram Bruna Linzmeyer

A atriz Bruna Linzmeyer falou a respeito da sua orientação sexual no programa ' Amor & Sexo', exibido na pela TV Globo na noite desta terça-feira (9). Bruna disse que não se limita a ser ‘lésbica, sapatão’ e afirmou que é uma pessoa livre.

Ao ser questionada pela apresentadora Fernanda Lima se considerava assumir, publicamente, sua orientação sexual como ato político, a atriz disse “Eu acho que é um ato político. Porque eu, como mulher e dentro da caixinha que assumo eventualmente como mulher lésbica, como mulher sapatão... eu não sou só isso. Eu sou uma pessoa livre e, às vezes, nem tão mulher, eu sou o que eu quiser. Mas usar a palavra lésbica, a palavra sapatão, soa muito mais como incômodo do que a palavra gay, que já está naturalizada. Eu acho que é isso, falar sobre as caixinhas e depois sumir com elas”.

Bruna, que levanta a bandeira do feminismo nas redes sociais, namora com Priscila Visman. Em entrevista ao Purepeople, ela já havia afirmado: "Eu sempre segui meu coração. Eu me apaixono por uma pessoa. Um dia me apaixonei por uma pessoa e era uma mulher. Eu tive o coração aberto para saber de onde vinha o desejo".

Por Lídia Dias

COMENTÁRIOS dos leitores