Aldo Vilela

Aldo Vilela

Jornalista

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal LeiaJa.com são formados por autores convidados pelo domínio notável das mais diversas áreas de conhecimento. Todos as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

Mendonça Filho participa de caminhada nos Coelhos

Aldo Vilelaqui, 13/09/2018 - 10:30

O candidato ao Senado pela Coligação Pernambuco Vai Mudar, Mendonça Filho, foi recebido com carinho no bairro dos Coelhos, na noite dessa quarta-feira (12/09). Acompanhado de Armando Monteiro, candidato a governador, Fred Ferreira, a vice, Bruno Araújo, também candidato ao Senado, e do vereador e candidato a deputado estadual, Marco Aurélio, Mendonça percorreu as principais vias da comunidade. “Uma caminhada muito boa, animada e com a participação da população, que foi para a porta de casa nos abraçar e pedir atenção para o seu bairro”, comemorou Mendonça.

Buscando votos

Antes da caminhada, Mendonça Filho participou de um encontro com artistas e produtores culturais no comitê central da campanha. Na ocasião os artistas entregaram uma carta de propostas para o governador. Na ocasião, Mendonça lembrou que como ministro da Educação atuou pela valorização da cultura. “Quando ministro, lançamos o filme sobre a Revolução de 1817, conseguimos concluir a obra da Fundaj Derby e reabrir o Cinema da Fundação, criamos a Cinemateca Pernambucana e o projeto Mestre dos Saberes. Mostramos que, quando se tem interesse, é possível trabalhar pela nossa cultura”, declarou.

Correndo no interior

O município de Gameleira, na Mata Sul, mostrou que está fechado com a reeleição do governador Paulo Câmara (PSB) para Pernambuco continuar nos avanços promovidos pela Frente Popular. Na noite desta quarta-feira (12), dois grupos políticos receberam o líder socialista para confirmar o voto no 40 no próximo dia 07 de outubro. Ao chegar na cidade, Paulo participou de uma grande caminhada, que passou pelas principais ruas do município. 

Apoio de prefeitos

Ao lado da prefeita Verônica (PSB), do ex-prefeito Major Ramos, dos deputados Aluisio Lessa (PSB/estadual) e João Fernando Coutinho (PROS/federal), Paulo cumprimentou moradores e comerciantes de Gameleira. Em cada esquina, a população deu demonstrações de carinho pelo líder socialista. Ao término da caminhada, o grupo realizou mais uma edição do Prosa Política. No local, o socialista destacou a importância de manter a campanha na rua até o dia 07 e reforçou o compromisso de Pernambuco com a eleição para Presidente da República, que agora tem como candidato Fernando Haddad (PT), com o apoio do ex-presidente Lula. 

Lembrando Lula

Em sua fala, o socialista ainda destacou o que Lula fez por Pernambuco, pelo Nordeste e pelo Brasil quando foi presidente da República. “Lula fez políticas públicas que diminuíram as desigualdades, que combateram a miséria, que melhoraram a educação, a saúde e a vida dos brasileiros. A gente tem que ter gratidão ao presidente Lula”, completou. Paulo ainda falou sobre o que foi possível fazer em Pernambuco nos últimos anos, reforçando o seu compromisso com a educação, segurança e saúde para os pernambucanos.

Partido de Temer está com Paulo e Justiça diz que associação a Armando é fake news

A Justiça determinou hoje que a campanha de Paulo Câmara está impedida de associar Armando à imagem de Michel Temer. Desde o começo do atual processo eleitoral que a comunicação de Paulo tenta enganar a população de Pernambuco, fazendo falsas acusações e praticando o que há de mais atrasado na política. Segundo o texto da decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que teve como relator o desembargador Gabriel Cavalcanti, as expressões usadas pela campanha de Paulo são “manifestamente inverídicas”. A Justiça comprova o que as pernambucanas e os pernambucanos sempre souberam, que Armando está, como sempre esteve, ao lado de Lula.

Susto para Bolsonaro

Após passar por uma cirurgia de emergência, o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) retornou, no início da madrugada desta quinta-feira, para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. O procedimento foi realizado às pressas em decorrência da aderência das paredes do intestino. A cirurgia durou cerca de 1h30 e, segundo os médicos, foi bem sucedida. O candidato passa bem, mas seu estado ainda é considerado grave. 

Estado de saúde

Um novo boletim médico sobre o estado de saúde do candidato será divulgado às 10h desta quinta-feira, quando se completa uma semana do ataque a Bolsonaro, esfaqueado durante ato de campanha em Juiz de Fora, em Minas Gerais. Em nota divulgada na noite de quarta-feira, o hospital informou que a cirurgia foi necessária após Bolsonaro ter sido acometido por uma distensão abdominal progressiva e náuseas. Um tomografia foi realizada e identificou uma aderência obstruindo o intestino delgado. Este quadro, segundo os médicos, é considerado comum em traumas como o sofrido por Bolsonaro.

Tudo ia bem

Na quarta-feira, Bolsonaro apresentou melhora e passou a ser cuidado em uma unidade de tratamento semi-intensivo. No mesmo dia, o candidato, que até então recebia nutrição endovenosa, passou a receber alimentação via oral. Em princípio, ele teve boa tolerância, mas, na quinta-feira a dieta foi suspensa porque o candidato apresentou uma 'distensão abdominal." Ao longo do dia, Bolsonaro teve náusea, dores intensas e bastante inchaço no abdômen.

COMENTÁRIOS dos leitores